Uveíte: o que é e como tratar?

olho verde irritado

Olhos vermelhos, sensibilidade à luz, dores nos olhos. Esses são sintomas bastante semelhantes aos da conjuntivite, mas que podem estar relacionados a outro problema pouco conhecido: a uveíte.

Continue lendo o artigo para saber o que é a uveíte e como tratá-la da forma correta.

O que é a uveíte?

Uveíte é o nome dado para qualquer inflamação da úvea, uma região do olho que abrange três componentes: a íris (a parte colorida do olho), o corpo ciliar (localizada atrás da íris e que é responsável por produzir o humor aquoso, que mantém a pressão do olho), e a coróide (que envolve todo o redor do olho e é responsável por levar sangue à região). 

Nesse sentido, a uveíte pode ocorrer em regiões diferentes do olho, necessitando do diagnóstico correto para conseguir tratar o problema.

De modo geral, a localização da infecção da uveíte é dividida em:

  • Uveíte anterior, que acomete a frente do olho;
  • Uveíte intermediária, que ocorre no meio do olho;
  • Uveíte posterior, que acomete o fundo do olho.

Causas da Uveíte?

As causas da uveíte podem ser várias, mas, de modo geral, ela está associada a infecções e a doenças reumatológicas. Conheça alguns exemplos a seguir:

  • Toxoplasmose
  • Tuberculose
  • Toxocara cannis
  • Sífilis
  • HIV/AIDS
  • Herpes
  • Citomegalovírus
  • Artrite reumatóide
  • Lúpus
  • Síndrome de Behçet
  • Síndrome de Reiter
  • Sarcoidose
  • Espondilite

Sintomas

Quando a pessoa apresenta uma inflamação em alguma região da úvea, os sintomas podem ser variados. Conheça os principais:

  • Dores no olho;
  • Sensibilidade à luz (fotofobia);
  • Olhos vermelhos;
  • Déficit visual.

Leia também:

O que pode causar inflamação nos olhos?

Por causa desses sintomas, é muito comum confundir uma uveíte com uma conjuntivite. Mas é preciso lembrar: enquanto a conjuntivite atinge a parte externa do olho (conhecida como conjuntiva), a uveíte atinge a parte interna.

Além disso, outra diferença entre as duas é que a uveíte, ao contrário da conjuntivite, não é contagiosa, embora possa voltar de forma crônica. De qualquer forma, a melhor maneira de descobrir o problema é consultando-se com um oftalmologista. Só ele consegue realizar o diagnóstico correto e tratar adequadamente o problema, tudo bem?

Como tratar a Uveíte?

Como a uveíte geralmente está associada a infecções e outras doenças, pode ser que o oftalmologista peça que você realize alguns exames complementares (como exames de sangue e de imagem) aos exames de vista. Dessa forma, é possível descartar a possibilidade do problema não ser uma uveíte, ou tratar diretamente a infecção ou doença que causou o problema.

Nesse sentido, tratar a uveíte consiste em identificar o agente causal da infecção ou quadro inflamatório, e utilizar medicação específica para combatê-la. Já doenças autoimunes — que estão entre as principais causas de uveíte —, devem ser tratadas separadamente.

Em outras palavras, será preciso, por exemplo, controlar as células de defesa do corpo para diminuir a agressão aos olhos. Isso poderá ser feito por meio de imunossupressores, corticoides, ou outros medicamentos a serem passados pelo médico.

Quais os riscos de não tratar a uveíte com o oftalmologista?

Ao sentir algum dos sintomas da uveíte, muitas pessoas acreditam que estão com conjuntivite e, de forma errada, acabam se automedicando e prejudicando o tratamento.

Enquanto isso, a uveíte pode piorar e atingir outras regiões do olho, e o paciente pode desenvolver problemas sérios, como glaucoma, catarata e até mesmo cicatrizes no fundo do olho, podendo ocasionar sequelas irreversíveis na visão.

Por isso que é tão importante realizar uma consulta com o oftalmologista antes de seguir com qualquer tratamento para a vista.

Caso precise, agende uma consulta com a Viva e vamos avaliar a sua saúde ocular da forma correta, ok?

Leia também:

Exames de vista: quais são e o que detectam

Exames de vista que você deve fazer por faixa etária

cta-agende-sua-consulta-viva-oftalmologia
Agende sua consulta agora mesmo na Viva Oftalmologia! É simples e rápido.
0 Comentários

Envie uma Resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

Atendimento
A Viva Oftalmologia é um centro clínico de referência
especializado em oftalmologia com sede na Capital Federal.
Responsável Técnico: Danielle Jampaulo - CRM-DF 17377
Segunda a Sexta - 8h às 18h
Sábado - 8h30 às 12h

Emergência: Segunda a Domingo - 7h às 22
SGAS 616 – AV. L2 SUL – Conjunto A
Lotes 116/117 – Bloco C – Salas 201/11
Centro Clínico Linea Vitta – Asa Sul,
Brasília – DF CEP: 70200-760
Fone: (61) 3246-5555
email: atendimento.vivaoftalmo@gmail.com
Tel: (61) 3246-5555/ Whatsapp: (61) 9.9998-3098
Copyright® 2017 - Viva Oftalmologia - Todos os Direitos Reservados
Desenvolvido por Eixo digital

Fazer login com suas credenciais

Esqueceu sua senha?